Autor Tópico: Desportistas rendem-se ao poker  (Lida 1150 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Diogo Carvalho

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19575
    Pts Tipsr:
    384
em: 02 de Janeiro de 2009, 15:55
Desportistas rendem-se ao poker

CADA VEZ MAIS ATLETAS SE DEDICAM A JOGAR CARTAS

"O poker exige muitas coisas que atraem os grandes desportistas: disciplina, preparação, controlo emocional, saber quando atacar e quando defender". É desta forma que Juan Barros, um ex-basquetebolista espanhol formado no Real Madrid (e que passou, entre outros, por Benfica, Aveiro Basket e Portugal Telecom) explica porque há cada vez mais desportistas a enveredarem por uma carreira no poker quando abandonam a alta competição.

"Encontram no poker a possibilidade de continuarem a ser competitivos, o que já não conseguem noutros desportos quando atingem uma certa idade", acrescenta João Nunes, ex-internacional português de basquetebol, que conheceu o poker e Juan Barros quando ambos jogavam no Aveiro Basket.

Tony Cascarino, Teddy Sheringham e Tomas Brolin são exemplos de futebolistas que se dedicam, actualmente, a este jogo. Mas há mais desportistas de renome que, actualmente, jogam poker com regularidade: Boris Becker e Yevgeny Kafelnikov são exemplos de tenistas que enveredaram por uma carreira no poker depois de pendurarem as raquetas. No entanto, a maioria acumula o poker com outros ramos de actividade, como Brolin, proprietário de um famoso restaurante em Itália. "São jogadores de bom nível, mas profissionais são apenas aqueles que jogam todos os dias. Porque ganhar um grande torneio é muito difícil e onde se ganha mais dinheiro é a jogar na internet", explicou Juan Barros.

Em Portugal, também há vários antigos desportistas que jogam poker. Os basquetebolistas, talvez por influência dos norte-americanos que jogam no nosso país, estão na linha da frente. O ex-capitão do Benfica, Luis Silva, "era um dos que alcançava melhores resultados, mas desde que se mudou para os Açores afastou-se um pouco do poker", contou-nos João Nunes, que acredita que "há muitos a jogar de forma completamente anónima na internet".

Além dos antigos desportistas que seguem carreiras no poker, outros, ainda no activo, admitem seguir-lhes as pisadas. Sergi Bruguera (ténis), Winston Bogarde, Wayne Rooney (futebol), Sebastien Chabal (râguebi), Gilbert Arenas (NBA) ou Michael Phelps (natação) são atletas que já confessaram o seu gosto pelo poker e que desejam dedicar mais tempo ao mesmo quando deixarem de competir.

O norte-americano que conquistou 8 medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, Phelps, não se priva mesmo de, nos tempos livres, jogar ao vivo alguns torneios de renome. E esteve quase para fazê-lo em Portugal quando passou alguns dias no Algarve após os Jogos Olímpicos! "Tinha voo para Londres no dia seguinte, pelo que não jogou. Mas garantiu que se não tivesse de ir embora tão cedo viria ao Estoril jogar", contou-nos Mark Thorne, responsável do patrocinador de um dos circuitos de torneios ao vivo que existem em Portugal.

Phelps não teve a oportunidade de jogar no Estoril, mas o prazer que tem em jogar poker levou-o, algumas semanas depois, ao Caesars Palace Casino onde disputou um torneio de 1.500 dólares de inscrição, terminando em 9.º lugar e levando para casa 5.000 dólares pela prestação.

Outro exemplo de desportistas que já se renderam ao poker surgiu no último Europeu de futebol, disputado na Áustria e na Suíça, quando o francês Clerc revelou numa conferência de imprensa que a nova moda no seio da selecção francesa para ocupar os tempos livres era o poker. "Costumo jogar com o Sagnol e o Nasri. Sou um dos melhores neste jogo", disse o defesa, garantindo que nos bleus "ninguém joga a dinheiro".

E já não é exclusivamente no estrangeiro que o poker está na moda entre os atletas. Os desportistas portugueses também se começam a render aos encantos do poker. E, curiosamente, são aqueles que ainda estão no activo e que, por isso, têm menos tempo para se dedicar a este jogo, que mais vão aparecendo nas mesas de torneios ao vivo no nosso País...

O jogador de futsal do Belenenses Miguel Almeida, por exemplo, esteve no Main Event do Estoril Poker Championship, entre os dias 26 e 28 de Dezembro. A sua boa prestação, no entanto, não teve continuidade no último dia, domingo, pois o compromisso da equipa do Restelo para a Taça de Portugal, em Sandim, frente ao Modicus, não lhe permitiu reocupar o seu lugar entre os últimos 20 de 168 jogadores que se inscreveram neste torneio.

No entanto, as 114 mil fichas que possuía no final da noite de sábado permitiram-lhe terminar em 12.º lugar, apesar de não estar em jogo no último dia.

"Para ser bom jogador de poker tem de se ser muito competitivo, tal como em qualquer outro desporto. Talvez seja por isso que cada vez mais desportistas jogam poker", considera o jogador.

Também Nuno Grilo, eleito jogador revelação da Liga de Andebol na época de 2007/08 já marcou presença nas mesas da Solverde Season, conquistando o 15.º lugar na 6.ª etapa de 2008 deste circuito.

Mais tarde, foi o futebolista Ricardo Sousa, ainda ao serviço do Beira-Mar, quem decidiu aparecer em Espinho para jogar o Super Satélite para o Main Event da Solverde Season.

Entre os desportistas portugueses ainda no activo, sabe-se que há cada vez mais adeptos do poker, embora o pratiquem anonimamente na internet.

In Record.pt



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 02 de Janeiro de 2009, 17:59
Poker, Xadrez, Bridge, jogos de computador, não são desportos. :roll:



BadBoy

  • Multimilionário
  • B
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2006
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    4746
    Pts Tipsr:
    105
em: 02 de Janeiro de 2009, 19:59

Além dos antigos desportistas que seguem carreiras no poker, outros, ainda no activo, admitem seguir-lhes as pisadas. Sergi Bruguera (ténis), Winston Bogarde, Wayne Rooney (futebol), Sebastien Chabal (râguebi), Gilbert Arenas (NBA) ou Michael Phelps (natação) são atletas que já confessaram o seu gosto pelo poker e que desejam dedicar mais tempo ao mesmo quando deixarem de competir.


eu é que não lhe queria dar 1 bad beat  :credo: :credo: :credo: :credo:
[youtube=425,350]yfrEeWS3_Ss[/youtube]



Forum de Apostas

Re: Desportistas rendem-se ao poker
« Responder #2 em: 02 de Janeiro de 2009, 19:59 »

Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 02 de Janeiro de 2009, 20:08
O all-black até cambaleou ao levantar-se, fez lembrar o outro moço que foi eliminado com póquer de ases na mão contra uma sequência real de cor este ano no Main Event do WSOP 2008! :shock: :lolada:
« Última modificação: 02 de Janeiro de 2009, 20:09 por Dunadan »



foyar

  • Multimilionário
  • f
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2006
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    7645
    Pts Tipsr:
    15
em: 02 de Janeiro de 2009, 20:27
Poker, Xadrez, Bridge, jogos de computador, não são desportos. :roll:

Até serem aceites nos Jogos Olímpicos. Parece que os Ingleses pretendem colocar Poker como desporto Olímpico em 2012.

Quanto os jogos de PC, se disseres que não os consideras como um desporto a um Coreano, é bem capaz de se virar a ti.
"os grandes homens falam de ideias, os homens médios falam de coisas, os homens pequenos falam de outros homens"



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 02 de Janeiro de 2009, 21:06
Poker, Xadrez, Bridge, jogos de computador, não são desportos. :roll:

Até serem aceites nos Jogos Olímpicos. Parece que os Ingleses pretendem colocar Poker como desporto Olímpico em 2012.

Quanto os jogos de PC, se disseres que não os consideras como um desporto a um Coreano, é bem capaz de se virar a ti.

Desportos implicam esforço físico. Basta provar que o esforço físico de orientar o rato e de clicar nas teclas ou de mexer nas fichas e ver as cartas que tens na mão é tão elevado ou maior que o necessário para premir o gatilho de uma pistola nas provas de tiro com precisão...



aNHaDuH

  • Multimilionário
  • a
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2006
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    4266
    Pts Tipsr:
    165
em: 02 de Janeiro de 2009, 22:02
Discordo com o que dizes em relação ao conceito de desporto, Dunadan!

Desporto não necessita de ser actividade física são dois conceitos distintos. Se não consideras o xadrez e o poker, consideras o automobilismo?!
"Você nunca sabe que resultados virão da sua acção, mas se não fizer nada, não existirão resultados." Gandhi



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 02 de Janeiro de 2009, 22:12
Tu não tens mesmo ideia do esforço físico para pilotar um F1 ou uma MotoGP, para não falar do motocross... :roll:

Definição de desporto: "prática de exercícios próprios para desenvolver o vigor e a agilidade; processo de aperfeiçoamento físico e de educação do espírito;"

No xadrez não há grande aperfeiçoamento físico a mexer as peças, quanto mais no póquer. Já nos jogos de computador, já colocaria a fasquia similar ao "tiro de precisão", mas o "coice" que uma arma poderá ter nada se compara aos coices do rato, ou falando mais sério, à ausência de "coices"...

E não vou falar do tiro de arco-com-flecha, pois aí o esforço físico é IMHO, maior que no tiro de precisão.

Poker, Xadrês, Bridge são jogos, não desportos.

Isso não implica que o esforço intelectual necessário para um bom desempenho não seja de desprezar, porque é em muitos casos bastante elevado.

Agora, o único esforço físico "visível" é estar muitas horas seguidas quase imóvel sentado numa cadeira...

Mas daí a chamar-lhes de desportos...



Forum de Apostas

Re: Desportistas rendem-se ao poker
« Responder #7 em: 02 de Janeiro de 2009, 22:12 »

aNHaDuH

  • Multimilionário
  • a
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2006
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    4266
    Pts Tipsr:
    165
em: 02 de Janeiro de 2009, 22:21
amigo eu estou em educação física e desporto, não sabes as  diferenças nos conceitos entre cada uma das universidaddes e organizações que fala do conceito de desporto se quiseres vou para o conversa da treta falar contigo sobre isso porque aqui é offtopic  :mrgreen: :bom:
"Você nunca sabe que resultados virão da sua acção, mas se não fizer nada, não existirão resultados." Gandhi



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 02 de Janeiro de 2009, 22:27
amigo eu estou em educação física e desporto, não sabes as  diferenças nos conceitos entre cada uma das universidades e organizações que fala do conceito de desporto se quiseres vou para o conversa da treta falar contigo sobre isso porque aqui é offtopic  :mrgreen: :bom:


Mas tens a noção da componente "filosófica" que leva à discussão entre o que é um desporto e um jogo, não tens?

É que para mim, o esforço físico para dominar uma máquina é bem superior ao necessário para dominar... um cavalo, por exemplo. ;)


Podes disparar os teus argumentos aqui: http://forum.apostaganha.pt/index.php?topic=22611.new#new
« Última modificação: 02 de Janeiro de 2009, 22:32 por Dunadan »




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions